Mostrando postagens com marcador Tendência. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Tendência. Mostrar todas as postagens

Copilot IA: Qual partido estará governando o Brasil daqui 100 anos

Nenhum comentário

21 de jan. de 2024

Essa é uma pergunta muito difícil de responder, pois envolve muitas variáveis e incertezas. Não há como prever com certeza qual partido estará governando o Brasil daqui a 100 anos, mas podemos tentar imaginar alguns cenários possíveis baseados na situação atual e nas tendências históricas.

Um cenário é que o Brasil continue a alternar entre partidos de diferentes espectros políticos, como tem feito nas últimas décadas. Nesse caso, poderíamos ver o retorno de partidos tradicionais como o PT, o PL, o PSDB, o MDB ou o PSB, que já governaram o país ou tiveram grande influência no cenário nacional. Esses partidos poderiam se adaptar às mudanças sociais, econômicas e ambientais que ocorrerão no século XXI, ou perder espaço para novas forças políticas que surgirem.


Outro cenário é que o Brasil passe por uma ruptura institucional, que leve a uma reforma política profunda ou a uma instabilidade prolongada. Nesse caso, poderíamos ver o surgimento de novos partidos, movimentos ou lideranças, que representem demandas populares insatisfeitas ou que se aproveitem de crises ou conflitos para ganhar poder. Esses novos atores poderiam ter propostas mais radicais, inovadoras ou autoritárias, que mudariam o rumo do país.


Um terceiro cenário é que o Brasil se integre a uma união ou federação maior, que envolva outros países da América Latina ou do mundo. Nesse caso, poderíamos ver o enfraquecimento ou o desaparecimento dos partidos nacionais, que seriam substituídos por partidos regionais, continentais ou globais. Esses partidos poderiam ter agendas mais amplas, que abrangessem temas como a integração econômica, a cooperação ambiental, a defesa comum ou a governança mundial.


Esses são apenas alguns cenários possíveis, que não esgotam todas as possibilidades. O futuro é imprevisível e depende das escolhas que fazemos hoje. Por isso, é importante acompanhar a política, participar da democracia e exercer a cidadania, para construir o Brasil que queremos para nós e para as próximas gerações.

Além da Inteligência Artificial: quais são as 5 tendências tecnológicas que vão transformar carreiras nos próximos anos

Nenhum comentário

19 de jan. de 2024

Relatório revela quais tecnologias além da Inteligência Artificial estão transformando completamente os empregos.

Alsorsa.News
Tecnologia (Foto: brightstars via Getty Images)


O relatório divulgado pelo Fórum Econômico Mundial, feito pela Manpower, revela como as novas tecnologias e inovações estão transformando as oportunidades de trabalho no mercado.


A pesquisa mostra quais são as tecnologias que terão maior impacto nos empregos do futuro.


Segundo a organização, embora a IA esteja no centro das atenções, outras mudanças tecnológicas também vão mudar a forma como trabalhamos (entenda mais adiante).


Isso acontece por causa da crescente digitalização dos negócios, que está impulsionando mudanças para muitos trabalhadores.


QUAIS TECNOLOGIAS VÃO IMPACTAR OS EMPREGOS DO FUTURO?

1. INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL (IA) GENERATIVA

Essa é a categoria em que o ChatGPT (da OpenAI) e o Bard (do Google) estão enquadrados. Na prática, essas e outras ferramentas são capazes de gerar novos conteúdos a partir de fragmentos disponíveis na internet.


A aposta no setor é cada vez mais alta: em 2022, investidores injetaram US$ 1,37 bilhão nesta tecnologia, em cerca de 78 diferentes negócios, segundo dados do PitchBook. Veja mais detalhes aqui!

 

2. INTERNET DAS COISAS (IOT)

◾Previsão de 30 bilhões de dispositivos conectados até 2030.

◾Isso impulsiona a demanda por arquitetos de soluções e engenheiros de IoT.

◾Potencial mercado de serviços de TI relacionados com IoT de 58 bilhões de dólares até 2025, segundo os dados da Manpower.

3. AVANÇOS EM SOFTWARE

◾Inovações em software estão acelerando o desenvolvimento e lançamento no mercado.

 

◾Crescimento do desenvolvimento de software com e sem código baixo.

 

◾Até 2024, 80% dos produtos e serviços tecnológicos serão construídos por pessoas que não são profissionais de tecnologia, segundo o Gartner.

 

◾Aumento na demanda por profissionais de TI com experiência em garantia de qualidade.


4. COMPUTAÇÃO EM NUVEM

◾Previsão de que 50% das operações de computação de ponta serão baseadas na nuvem até 2025, de acordo com a Manpower.

 

◾Grandes players como Amazon, Microsoft e Google lideram, mas operadores privados menores estão ingressando no mercado.

 

◾70% dos CIOs identificam uma lacuna de competências na computação em nuvem, indicando alta demanda por especialistas.


5. CIBERSEGURANÇA

◾O ambiente digital traz riscos crescentes de crimes cibernéticos.

 

◾O uso da IA se intensifica para reforçar a segurança cibernética.

 

◾73% das empresas estão aumentando os investimentos em tecnologia de confiança zero para proteger os dados.

 

◾Escassez global de talentos em segurança cibernética torna essas competências valiosas.


6. AUTOMAÇÃO E ROBÓTICA

◾A automação de processos repetitivos é fundamental para projetos de transformação digital.

 

◾O setor global de robótica deve chegar a 260 bilhões de dólares até 2030, ainda de acordo com o estudo da empresa de recrutamento.

 

◾A automação promete economizar 55 milhões de dólares anualmente para as empresas até 2025.

 

A demanda por profissionais com habilidades em robótica está crescendo, mas os trabalhadores substituídos precisarão de requalificação para novas funções.

POR QUE IMPORTA?


Ficar atualizado com essas tendências tecnológicas é essencial para profissionais e empresas, garantindo que estejam preparados para as demandas do mercado em constante evolução.


*StartSe

Bancos brasileiros estão entre 500 marcas mais valiosas do mundo; veja lista

Nenhum comentário

BB foi empresa brasileira que mais se valorizou, subindo 50 posições no ranking em relação a 2023.

Alsorsa.News
Foto: Feebpr Marcos Rocha

O Itaú, o Banco do Brasil e o Bradesco foram incluídos mais uma vez na relação das 500 marcas mais valiosas do mundo em 2024, de acordo com informações apresentadas pelo Brand Finance durante o Fórum Econômico Mundial (FEM) na última quarta-feira (17).


O BB registrou o maior crescimento no período, ascendendo 50 posições em comparação com o ano de 2023. Em contrapartida, o Itaú e o Bradesco, embora ainda mantenham um alto valor, tiveram uma queda de 21 e 12 posições no pódio, respectivamente.


Entre essas três instituições, o Itaú continua a ser a marca mais valiosa do Brasil, com uma avaliação estimada em US$ 8,3 bilhões. O Banco do Brasil surge como a segunda marca mais valiosa, com US$ 5,5 bilhões, enquanto o Bradesco é avaliado em US$ 5 bilhões.


Os resultados de 2024 apontam para uma tendência global: o setor bancário concentra as marcas mais valiosas do mundo, com 71 instituições financeiras no ranking, representando 14,2% do total. Em seguida, destacam-se os setores de varejo e tecnologia, que, juntos, compõem 20,6% das maiores empresas globais.


No topo da lista, a Apple se destaca como a empresa com a marca mais valiosa do mundo, avaliada em US$ 516,6 bilhões. Em seguida, encontram-se a Microsoft (US$ 340,4 bilhões) e o Google (US$ 333,4 bilhões). A Amazon, que liderava a lista em 2023, agora ocupa a quarta posição (US$ 308,9 bilhões).


*Conexão Política 

Não Perca!
© Todos Os Direitos Reservados
Por JPCN.Blog