Lemon8, a nova rede social da empresa que criou o TikTok

O app chinês é focado em imagens, um misto de Pinterest e Instagram. E já está conquistando popularidade nos EUA.

Fonte: Lemon8/


A empresa chinesa ByteDance já conquistou o mundo com o TikTok. Apenas nos primeiros nove meses, a plataforma alcançou 100 milhões de usuários. Atualmente, estima-se que o número ultrapasse a casa do bilhão. Agora, os chineses tentam ganhar popularidade com outra empreitada.


O Lemon8 é um aplicativo que parece mais uma fusão do Instagram com o Pinterest do que com um parente do TikTok. Os populares vídeos curtos ainda estão presentes, mas o foco da vez são as imagens. Até as legendas ganham um pouco mais de espaço.

O Lemon8 parece, visualmente e funcionalmente, como um híbrido de Instagram e Pinterest, com alguns elementos do primo famoso, TikTok. (Apple Store / Lemon8/Montagem sobre reprodução)

O feed também é dividido em posts “for you” (para você), escolhidos por um algoritmo similar ao do TikTok, e “seguindo”, de contas que você segue. Assim como o Pinterest, as imagens são separadas em duas colunas na sua tela. É possível selecionar no topo da página qual categoria de posts você quer ver e buscar por temas e palavras-chave que te interessem.


Atualmente, o app é dominado por posts de estilo de vida. Os principais temas são beleza, alimentação, bem-estar e viagens. Entre sugestões de manicure e receitas para o café da tarde, os usuários dão algumas recomendações de produtos e seus respectivos links de afiliados. Eles também compartilham dicas de como criar seus próprios posts e a forma de usar a nova rede social.


Nada de extremamente inovador no vasto mar de redes sociais. Mesmo assim, o crescimento do Lemon8 é notável: ele chegou a ocupar o primeiro lugar na categoria lifestyle na Apple App Store dos EUA. Ainda fora do Brasil, ele ficou disponível em fevereiro para usuários americanos e britânicos, e já estava presente na Ásia desde 2020, quando foi lançado no Japão. Desde então, o app já acumulou cerca de 5 milhões de usuários.

Grande parte desse surto de popularidade nos Estados Unidos provavelmente se deve à migração de criadores do TikTok para a rede vizinha. Segundo o New York Times, a ByteDance se dispôs a pagar para que influenciadores do TikTok também produzissem conteúdo para o Lemon8, incluindo “diversos incentivos para serem o primeiros parceiros da plataforma”, como mais visibilidade em ambas, e até ter o conteúdo comercializado no TikTok.


Com o recente acaloramento das discussões de banir o TikTok, a chegada de mais um aplicativo da ByteDance é vista como, no mínimo, preocupante nos EUA. Receosos da relação com o governo chinês e possíveis problemas com a segurança das informações privadas dos usuários, alguns congressistas americanos defendem que o aplicativo seja banido no país ou que a empresa deixe de operá-lo. Não é tão simples diante da popularidade do TikTok, mas o Lemon8 pode sofrer mais com represálias se não conquistar um bocado da abrangência e relevância do seu irmão mais velho. A conferir. 

                      Baixe Lemon8 

*Super