JPCN Blog
Live
wb_sunny

Breaking News

Deixou o carregador na tomada? Veja o custo

Deixou o carregador na tomada? Veja o custo

Na correria do dia a dia, não é incomum que muita gente acabe esquecendo o carregador de celular conectado à tomada, mesmo após remover o conector do aparelho. Inclusive, existem aqueles que acreditam que os acessórios mais modernos não consomem energia apenas por estar na tomada, mas não é bem assim que funciona.

Alsorsa.News

Apesar disso, é bem verdade que os carregadores mais recentes têm ferramentas para economizar no consumo de energia quando estão em stand by, mas, continuam gastando energia sem nenhum aparelho conectado a eles, o que é conhecido como “consumo fantasma“.


No entanto, a boa notícia é que o consumo nessa modalidade é realmente muito baixo, caso o acessório seja dos mais modernos, de modo que isso dificilmente terá um impacto significativo na sua conta mensal de energia, só podendo ser realmente notado quando pensamos em um ano todo transcorrido.


Carregador na tomada: o que considerar e como calcular

Inicialmente, é importante considerar quantos carregadores estão conectados sem nenhum aparelho. Imagine que você mora em uma casa com outras três pessoas que, além dos celulares, que seriam quatro, também contam com notebooks, smartwatches e tablets.


Caso todos esses aparelhos de carregamento fiquem na tomada mesmo sem carregar nada, o custo final definitivamente será maior do que apenas alguns dos acessórios em modo de espera.


Agora, para calcular o consumo de energia, também precisamos considerar que esse número varia com base no modelo e marca de cada dispositivo, mas, normalmente, um carregador de celular em stand by consome em torno de 0,1 watt a 0,5 watt, o que é muito menos do que quando estão ativamente carregando o aparelho.


Imagine que você mantenha um carregador de iPhone conectado 24 horas por dia na tomada, em modo de espera, por todo o ano. Ainda no exercício, suponha que o custo da tarifa de energia elétrica seja de R$ 0,70 por quilowatt-hora (kWh).


O carregador de iPhone tem a potência de 0,26 W enquanto está em stand by. Agora, é preciso multiplicar esse valor pelo tempo, totalizando 2.77,6 Wh, ou 2,28 kWh. Multiplicando esse valor pela tarifa de energia, chegamos a R$ 1,60 por ano pelo consumo de energia fantasma do acessório.


Mesmo sendo um valor basicamente insignificante, quando pensamos no cenário com mais desses acessórios conectados sempre à tomada, o custo pode aumentar expressivamente. Por isso, é interessante ficar atento a esse hábito.


*Capitalist 

Tags

Newsletter

Não perca nenhuma novidade; acesse agora, e receba as notícias em primeira mão.

Postar um comentário

Obrigado por comentar! 😉✌