TikTok adiciona feed não personalizado para atender a União Europeia

O TikTok realizou mais uma mudança na sua plataforma nesta semana. A rede social adicionou um feed não personalizado, o qual exibe vídeos populares que têm ganhado força na internet.

A decisão ocorre para atender a receios da União Europeia. O bloco não gosta que a mídia social colete os dados sobre os seus usuários, para realizar a curadoria do conteúdo de maneira customizada a cada indivíduo.

Imagem: Reprodução

Para atrair e manter mais acessos ativos, o TikTok costuma entregar em seu feed personalizado. Em outras palavras, se você gosta de ver vídeos sobre culinária ou carros, são esses temas que costumam aparecer mais no aplicativo.


A novidade chega para trazer um feed mais aleatório, que não precise extrair por algoritmos as informações de uso do indivíduo. No entanto, a inclusão é opcional. Ou seja, quem deseja seguir como está, não haverá qualquer alteração.


Além disso, a plataforma tem aplicado outras mudanças, a fim de se encaixar nas regras. Entre as alterações, está a retirada de anúncios personalizados a pessoas entre 13 e 17 anos. Em condições normais, as propagandas surgidas também são mostradas conforme as suas atividades no app.


Esta não é a primeira vez que a União Europeia expõe preocupações quanto à plataforma. Em fevereiro deste ano, o TikTok prometeu combater desinformação para evitar banimento no bloco do “Velho Continente”.

🔻Android 

🔻iOS

E aí, o que você achou desta mudança feita pelo TikTok? Dê a sua opinião para a gente!