JPCN Blog
Live
wb_sunny

Breaking News

GNOME 42 apresenta visual renovado, mais velocidade e novos apps

GNOME 42 apresenta visual renovado, mais velocidade e novos apps

 GNOME 42 apresenta visual renovado, mais velocidade e novos apps

Alsorsa.News
Reprodução/GNOME

O GNOME Project anunciou o lançamento da versão mais recente do seu ambiente de desktop Linux: o GNOME 42. A plataforma chega com recursos aprimorados, melhorias na interface do usuário e consideráveis ganhos de desempenho.


As mudanças mais notáveis de imediato são as visuais e aparecem logo no início do ambiente. A maioria dos aplicativos principais do GNOME 42 — exceto o Nautilus — adotou o estilo de design libadwaita como "tema" padrão, assim como vários apps de terceiros escritos em GTK4.

Não se trata apenas de uma aparência bonitinha, já que o libadwaita confere mais leveza, cantos arredondados e itens mais compactos do que o antecessor Adwaita. Foram incluídas também mudanças na barra de ferramentas, ajustes em menus, botões de alternância e caixas de informações.


O tema novo do GNOME 42 traz suporte ao modo escuro, melhor contraste e acaba com as chamadas triangulares dos miniaplicativos de painel. O display de bolhas (ou pilulas, se preferir), usado para representar a alteração de brilho ou volume, estão menores e mais compactos do que antes.

Quem quiser usar o tema noturno terá como vantagem a compatibilidade de aplicativos GTK4/libadwaita. Um efeito de fade faz a transição do modo claro e escuro com estilo e fluidez, o que afeta também a cor do papel de parede padrão do GNOME.

Novos recursos do GNOME 42

A atualização do ambiente gráfico vem com um novo recurso de captura de tela padrão. Isso facilita a realização de prints de telas e gravações sem a necessidade de instalar outros aplicativos. É só clicar na tela de impressão, embora o atalho possa ser mudado, e uma caixa de seleção aparecerá para encaixar o trecho desejado. Dá para colocar apenas uma janela, uma seleção própria ou a área de trabalho inteira.

Dois novos aplicativos debutaram no GNOME 42: Console, que funciona como o GNOME Terminal, e o Text Editor, uma solução alternativa ao Gedit para escrever textos. No caso do último, é preciso destacar a interface mais moderna e recursos interessantes como salvamento automático da digitação.


O Nautilus não passou ainda pelo banho de loja com a GTK4/libadwaita nesta versão, mas ganhou uma nova barra de caminhos com suporte a rolagem, um novo menu de contexto e um atalho de renomeação de arquivo/pasta mais espaçoso.


Outras mudanças do GNOME 42

● Suporte a decodificação acelerada por hardware no Videos;

● Uso de memória reduzido e desempenho mais rápido no Tracker;

● Latência reduzida nos dispositivos de entrada;

● Consumo de energia reduzido para reprodução de vídeos

● Novo visual para as configurações de usuários;

● Suporte a renderização acelerada por hardware em todos os site da web;

● O Maps agora mostra ícones para retornos no trajeto à pé;

● As conexões de área de trabalho remota usam o protocolo RDP.

O código-fonte do GNOME 42 está disponível para download no site oficial a partir de hoje. Mas se você usa alguma distribuição deve aguardar que os desenvolvedores façam essa atualização e envie-as para a sua máquina.


Fonte: GNOME

Tags

Newsletter

Não perca nenhuma novidade; acesse agora, e receba as notícias em primeira mão.

Postar um comentário

Obrigado por comentar! 😉✌